EVP: Questão CESPE VLANS, SWITCH

Fala Galera! Belê? 🙂
 
A questão polêmica de hoje é do CESPE e aborda as famigeradas VLANs:
 
Prova: CESPE – 2011 – Correios – Analista de Correios – Engenheiro – Engenharia de Redes e Comunicação Disciplina: Redes de Computadores | Assuntos: Equipamentos de Redes – Switches; 
Considerando que, após uma coleta de dados de uma rede local ethernet, a análise dos dados tenha mostrado que 80% do total de pacotes era broadcast, julgue os itens que se seguem.
 
Mesmo que um switch L2 (comutador de nível 2, modelo OSI) seja usado para separar o ambiente em diversas VLANs, padrão IEEE 802.1Q, o problema de alto número de pacotes broadcast não deverá ser resolvido. 
 
GabOf CORRETA. 
 
Comentário:
 
Concordamos com o gabarito. Ora…
 
A utilização de VLANs só RESOLVERIA o problema se admitíssemos uma VLAN porta, o que não faria muito sentido. Concordam?  🙂
 
Mesmo com a criação de VLANs, os broadcasts ainda se propagariam no âmbito de cada VLAN. Ou seja, você só minimiza o problema. 
 
Seja utilizando um roteador, seja segmentando em VLANs por meio de um switch, em ambos os casos o resultado alcançado é o mesmo: diminui-se a dimensão dos domínios de broadcast, e só!
 
Cabe lembrar que Broadcasts muitas vezes são necessários e sempre ocorrerão. O problema reside em determinar a origem do broadcast e ver o que pode se fazer a respeito.
Origens comuns de broadcast são:
1. Protocolos nativamente barulhentos, ex: netbios. Solução: substituir ou conviver;
2. Placas de Redes danificadas. Solução: trocar a placa;
3. Domínio de Broadcast muito grande. Solução: Setorizar por meio da Camada 3.
4. Protocolos mal configurados. Solução: Tunning
 
Pois bem, pessoal, É issoaíson! Espero que tenham compreendido…  =D
 
Bons Estudos!
 

»crosslinked«

Walter Cunha

O professor Walter Cunha é pós-graduado em Gerência de Projetos pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e Engenheiro Eletrônico pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica ( ITA).

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *